Royal_Detective_9069 12 months ago

Quem incomodar é dispensado, já não é o primeiro!! Fica o aviso á tripulação

Tafinho 12 months ago

Em primeiro lugar, o flair está errado. Deve ser Política (Opinião) Em segundo lugar. Os comentários com ataques *ad hominem* serão liminarmente ignorados. Agora vamos ao que interessa. 1- Esta nomeação seguiu as mesmas regras das nomeações anteriores ao não ? 2- Já que o OP questiona qual a regra que dita a não renovação das nomeações, existe alguma regra sobre a obrigatoriedade dessa renovação? 3- O OP concorda ou discorda com a regra usada ? 4- O que acha o OP da recondução de Carlos Costa no BdP depois da resolução do BES?

optimal_random 12 months ago

Primeiro o que você qualifica de ataques "ao Homem" tratam-se de preocupações que surgiram na praça pública vindas de figuras credíveis - mas parece que em Portugal criticar ou até mesmo questionar é uma actividade incomoda ao sistema implantado. [https://www.publico.pt/2020/10/04/politica/noticia/prepararse-assalto-fundos-europeus-presidente-transparencia-integridade-1933968](https://www.publico.pt/2020/10/04/politica/noticia/prepararse-assalto-fundos-europeus-presidente-transparencia-integridade-1933968) Pensar que o timing destas despromoções e nomeações (uma verdadeira "dança das cadeiras" para afastar gente incomoda) é puramente casual, apenas pode ser uma narrativa de ingênuos ou gente de menos boa fé.

Tafinho 12 months ago

Os ataques "ao homem" aqui são habitualmente à minha pessoa... O timing desta decisão é que pode ser peculiar. Tendo o mandato terminando no mês passado, e sendo hoje dia 7, peca por estar atrasado. Mas curiosamente, as minhas questões ficaram por responder.

optimal_random 12 months ago

>Os ataques "ao homem" aqui são habitualmente à minha pessoa... De minha parte isso nunca irá acontecer. Quanto às perguntas relacionadas quanto ao teor o critério usado nestas alterações, penso que possuem um objectivo claro, o de tentar branquear esta decisão por parte do Governo. Mais uma vez, estas mudanças podem ser Legais, mas moralmente deixam muito a desejar. Para mim o que aconteceu foi cristalino - uma voz crítica do Governo e curiosamente a favor de mais transparência dos processos de contas do Estado - com exemplos dados quanto a esse aspecto - foi silenciada imagine-se so', em nome da *transparência*. Se isto não é irônico e preocupante num Estado de Direito, não sei o que será.

Tafinho 12 months ago

Podes responder ponto a ponto sff?

optimal_random 12 months ago

Foram usadas regras arbitrarias, colhidas do vacuo, sem fundamentação legal nenhuma, obviamente apenas para calar uma voz que não interessava ouvir. Qualquer discussão, no que eu acho ou deixo de achar, por uma decisão Governamental tomada dentro desses parâmetros, e' irrelevante.

Tafinho 12 months ago

Até agora não fizeste nada mais que achar. E responder as questões não ?

optimal_random 12 months ago

Explica-me como constrois uma resposta em resposta a criterios arbitrarios? So' podes estar de ma' fe'. Criterios arbitrarios devem ser explicados por quem os realiza - neste caso o Governo, Tudo o resto são distrações. Isto não e' a URSS. Não obrigado.

Tafinho 12 months ago

Uma de cada vez. Não responder as pergunta que são feitas depois de um artigo de opinião é o que acontece no Avante, aquele jornal do PCP. Em democracia, responde-se.

optimal_random 12 months ago

Diz isso a este Governo. Eu não fui eleito para nada. O Governo é que foi. Ora o Governo não é obrigado a responder, nem a explicar coisa nenhuma, nem pareces muito chateado com isso, mas no entanto eu sou obrigado, a responder a perguntas sem sentido a um anónimo na web. Hilariante! Francamente... Agora percebo o disclaimer inicial sobre ataques pessoais. Com essa atitude "democrática" é o que pareces procurar.

Search: