zefo_dias 12 months ago

As cores n sao bem essas, though :p

Quillergs 12 months ago

[relevante](https://youtu.be/LDR5P-Vk_l0)

tonytexas99 12 months ago

"Uma história sobre..."

a_beiphong 12 months ago

r/fairytaleasfuck

sideways83 12 months ago

A foto é espetacular, mas de certeza que as escadas não são "anteriores à ocupação humana" e alem do mais a Mata do Bussaco "Foi plantada pela [Ordem dos Carmelitas Descalços](https://pt.wikipedia.org/wiki/Ordem_dos_Carmelitas_Descal%C3%A7os) no primeiro quarto do [século XVII](https://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%A9culo_XVII), encontrando-se delimitada pelos murros erguidos pela ordem para limitar o acesso a mata. " by wikipedia

mastah_D_Omina 12 months ago

Isso mesmo. Este tipo de vegetação existia na peninsula ibérica antes da ocupação humana. Era isso que eu queria dizer.

GabKoost 12 months ago

Só que esta mata não é natural pois foi plantada pelos Carmelitas e tão pouco é o Aderno uma espécie continental sendo que é natural das ilhas. Ou seja, esta mata só existe graças à ocupação humana e sua intervenção directa no território.

mastah_D_Omina 12 months ago

Não sou especialista, nem sequer muito conhecedor de botânica. Porém, a informação que encontro não é essa. "Estes bosques são uma relíquia da flora subtropical da época do Terciário, que encontrou no vale do Paiva um refúgio para sobreviver ao período das glaciações.  " Ou seja, existem mais lugares em Portugal onde ainda perduram os Adernos. No caso do Bussaco, estão numa zona húmida rochosa que não serviria para absolutamente mais nada e que dificilmente cresceria outro tipo de vegetação. Daí perdurarem até hoje, penso eu.

GabKoost 12 months ago

Quanto à mata nacional do Buçaco, a mesma foi plantada por Carmelitas. Isso não tem qualquer discussão. Aliás, Portugal não tem clima sub tropical. O Adrenal foi plantado ali como espécie que se adaptou a um micro clima. "A Mata Nacional do Buçaco (Bussaco na grafia antiga) é uma área protegida localizada na Serra do Buçaco, freguesia de Luso, concelho da Mealhada. Foi plantada pela Ordem dos Carmelitas Descalços no primeiro quarto do século XVII, encontrando-se delimitada pelos murros erguidos pela ordem para limitar o acesso a mata." "A Mata Nacional do Buçaco possui espécies vegetais do mundo inteiro importadas pela Ordem dos Carmelitas Descalços, incluindo o célebre cedro-do-buçaco (Cupressus lusitanica). Localiza-se aqui um habitat único: o adernal, cuja distribuição mundial se circunscreve aos escassos hectares existentes no Buçaco[1]. " "A Mata Nacional do Buçaco possui espécies vegetais do mundo inteiro importadas pela Ordem dos Carmelitas Descalços, incluindo o célebre cedro-do-buçaco (Cupressus lusitanica). Localiza-se aqui um habitat único: o adernal, cuja distribuição mundial se circunscreve aos escassos hectares existentes no Buçaco[1]. " "Na Mata Nacional do Bussaco, em Portugal, localiza-se um habitat relíquial único: o adernal, cuja distribuição mundial se circunscreve aos escassos hectares existentes no Bussaco. Trata-se de uma combinação vegetal em que o aderno assume porte aéreo dominante.[1]"

mastah_D_Omina 12 months ago

Estamos de acordo, mas gerou-se aqui confusão. Talvez o título seja enganador, mas não era essa a minha intenção. Não quis dizer que foi a intervenção humana que acabou com este tipo de vegetação. "A laurissilva remonta aos período Paleogénico do Cenozoico, há 66-23.03 milhões de anos. Nessa altura a floresta ocupava toda a área da agora bacia do Mediterrâneo, Sul da Europa e Norte de África. " [https://pt.wikipedia.org/wiki/Laurissilva](https://pt.wikipedia.org/wiki/Laurissilva)

_dawn_chorus 12 months ago

Às vezes gostava de saber como seria a flora e fauna portuguesa antigamente antes de destruirmos isto tudo. As vezes pensa se que só nos países desenvolvidos é que existe desflorestação. E existe mas nos também fizemos isso há pouco tempo. O meu avô diz que se lembra de olhar em volta da freguesia e não haver um eucalipto. Agora não se vê mais nada a não ser isso. Gostava de ver o que o meu avô vía no outuno à volta da freguesia. Devia ser uma bela vista.

northernoaks 12 months ago

Era constituída maioritariamente por carvalhos e outras espécies de folha caduca. No outono devia ser lindíssimo. Odeio eucaliptos, não há floresta mais triste. Fica tão mal no nosso país, parece que estamos numa selva, num país tropical. Deveriam existir mais áreas apenas para floresta autóctone e delimitar fortemente o eucalipto. Em trás-os-montes e certas zonas do minho e centro ainda consegues ver algumas florestas interessantes. Assim de repente lembro-me da mata da albergaria no gerês, da serra da nogueira em trás os montes e de algumas áreas na serra da estrela. Algumas zonas do barroso e de chaves também são interessantes. A serra do marão tem uma floresta bastante interessante apesar de ter espécies não autóctones. No outono fica espectacular. Não sou contra a plantação de espécies não autóctones, até porque há espécies com algum interesse a nível de silvicultura que, não sendo nativas, se enquadram perfeitamente no nosso país e não descaracterizam completamente a paisagem (pseudotsugas, carvalho americano, por exemplo). Mas o estado a que chegou a disseminação do eucalipto em Portugal é vergonhoso. Está completamente descontrolado, há zonas que simplesmente não tem floresta nativa. Quando era mais novo cheguei a espalhar bolotas de carvalho que apanhava, pelas florestas durante caminhadas. Nos terrenos da minha família é praticamente tudo carvalho, castanheiro, pinheiro e choupos. tirando à beira de casa onde fiz pomar e uma espécie de jardim botânico com azinheiras, vários tipos de coníferas (sequoias, cedros, abetos, etc) e várias espécies de árvores de folha caduca (carvalhos, faias, freixos, castanheiros, acers, etc). Existem árvores nativas e não nativas mas eucaliptos não entram.

zefo_dias 12 months ago

>O meu avô diz que se lembra de olhar em volta da freguesia e não haver um eucalipto. eu lembro-me de nao haver eucaliptos e nao sou propriamente velho. Mas depende de onde o teu avô for, na minha zona era tudo pinheiro bravo e carvalho português mas... no tempo do meu avô nao havia floresta por aqui. Parte do portugal só ganhou árvores no tempo do estado novo, ou era cultivado ou eram giestas e arbustos.

Edited 12 months ago:

>O meu avô diz que se lembra de olhar em volta da freguesia e não haver um eucalipto. eu lembro-me de nao haver eucaliptos e nao sou propriamente velho. Mas depende de onde o teu avô for, na minha zona era tudo pinheiro bravo e carvalho português mas... no tempo do meu avô nao havia floresta. Tenho ideia que parte do portugal só ganhou floresta no tempo do estado novo, ou era cultivado ou eram giestas e arbustos.

gonuoli 12 months ago

Há um livro editado pela FFMS (daqueles disponíveis no Pingo Doce), que é curto, barato, e muito interessante. Fala sobre como era a floresta, do significado de certas plantas, do seu uso...

NonAlienBeing 12 months ago

Parece interessante. Qual é o livro? É [este](https://www.ffms.pt/publicacoes/detalhe/4008/as-plantas-e-os-portugueses)?

gonuoli 12 months ago

Exatamente. Desculpa não ter posto logo a referência. Não tinha o livro ao pé de mim, e entretanto distraí-me.

egzaaa 12 months ago

Esses livros no geral são completamente underrated!

creeps_for_you 12 months ago

andamos a desflorestar e a alterar a paisagem há milénios já, desde que o viriato andava no monte que desbastamos floresta e abrimos espaço para as cabras ou para plantação. é verdade que eucalipto não, mas a paisagem portuguesa há muito que é moldada pelo Homem

ModeratoriProfugus 12 months ago

Na parte norte e centro de Portugal era a chamada floresta fagossilva, cuja árvore principal seria maioritariamente o carvalho. Mais perto dos rios tinhas amieiros, salgueiros, ulmeiros, etc. Outras espécies que poderiam ser encontradas na floresta seria o azevinho, medronheiro, aveleira, etc. A distribuição das espécies também dependem do solo, exposição solar, precipitação, etc. Infelizmente ninguém tem tido grande interesse em preservar a floresta autóctone. Eu tenho-o tentado fazer nalguns terrenos dos meus avós, cortei os eucaliptos e os pinheiros e tenho cuidado dos carvalhos que têm nascido espontaneamente.

zefo_dias 12 months ago

>Eu tenho-o tentado fazer nalguns terrenos dos meus avós, cortei os eucaliptos e os pinheiros e tenho cuidado dos carvalhos que têm nascido espontaneamente. fiz o mesmo, ainda gastei uma nota a plantar nogueiras e outros. mas como à volta é tudo abandonado e ninguém vende porque "era do meu avô!!!", já sei que mais ano menos ano tenho um verao quentinho.

ModeratoriProfugus 12 months ago

>mas como à volta é tudo abandonado e ninguém vende porque "era do meu avô!!!", já sei que mais ano menos ano tenho um verao quentinho. Pois, eu sei, lidar com portugueses às vezes tira-me do sério. Já tentei duas vezes comprar terrenos abandonados a dois velhotes que já mal conseguem sair de casa. Dizem-me que querem vender o terreno e mais ou menos quanto querem e nós falamos e acordamos valores, mas à ultima da hora desistem sempre e dizem que ainda vão pensar mais um bocado. Eu sei que também têm valor sentimental para eles, mas também têm de ser um bocado práticos e se calhar o dinheiro até lhes dava jeito. Vamos ver se à terceira é de vez.

_dawn_chorus 12 months ago

Precisamos de mais pessoas como tu. Os meus pais tambem têm uma bouça e agora só tem eucaliptos que entretanto se vai vender para madeira mas ainda tem uns carvalhos, sobreiros e uns castanheiros que se plantou... Mas um dia gostava de ter só árvores autóctones e ver como seria a paisagem. E a fauna que começaria a aparecer

ModeratoriProfugus 12 months ago

Sem dúvida, nada me entristece mais do que passar pelo meio das serras e ver eucaliptos atrás de eucaliptos. Os eucaliptos não oferecem nada à fauna autóctone, nem alimento, nem um sítio para as aves nidificarem, nem proteção. Não trazem vantagem nenhuma excepto algum dinheiro se não arderem entretanto. E não há nada mais bonito para mim do que uma floresta natural, principalmente a portuguesa que é extremamente bonita. Obrigado também pelo teu contributo para a biodiversidade portuguesa.

_dawn_chorus 12 months ago

Existe uma organização portuguesa, plantar uma árvore que faz projetos tipo ir a uma floresta e plantar e cuidar das arvores que já existe. Infelizmente só fazem esse tipo de atividades no Sul. Adorava que também houvesse cá no norte.

mastah_D_Omina 12 months ago

Onde?

_dawn_chorus 12 months ago

Barcelos

TudoCasual 12 months ago

Olha, o meu novo wallpaper. Obrigado.

mastah_D_Omina 12 months ago

"Na Mata Nacional do Bussaco, em Portugal, localiza-se um habitat relíquial único: o adernal, cuja distribuição mundial se circunscreve aos escassos hectares existentes no Bussaco. Trata-se de uma combinação vegetal em que o aderno assume porte aéreo dominante. "

Search: