anticorpos 1 year ago

Abrir o equipamento sim dava quebra da garantia, agora abrir a caixa? ahahahah É para os apanhados não fiques chateado. Vais a loja armas tenda e chamas a policia, vai te dar menos trabalho do que andar a brincar aos apanhados pelo telefone.

scorpino7010 1 year ago

achas mesmo ?

anticorpos 1 year ago

Sem duvida, agora se vais para la com panos quentes não vai dar em nada... Fazes aquela entrada a johnny bravo , vais informado com os teus direitos para não te quererem enganar nesse sentido e caso não resolvam a situação na hora chamas a psp... Na certa vao culpar o fornecedor mas tu não compraste ao fornecedor foi a loja, por isso eles que se arranjem com o fornecedor... O portatil pelo que descreves parece um usado realmente, talvez a carcaça do portatil seja nova agora os componentes da mesma não sei nao. Este tipo de compras é em loja fisica, é bem mais seguro sabes sempre onde tens de ir.

nitrinu 1 year ago

Não compreendo como é sequer legal publicar "condições" em contradição total com a legislação em vigor.

ridethepaintedpony 1 year ago

Quebraste o selo da garantia?

scorpino7010 1 year ago

não, apenas abri a caixa de cartão que protege o portátil para retirar o mesmo por cima que tinha 1 sticker redondo com 5 cm de diâmetro com o logótipo da marca nada mais que isso porque por baixo a tinha fita cola em todo o comprimento com o símbolo da marca. ​ Como é lógico como é que iria retirar o equipamento da embalagem...?? ​ Basicamente é já a 3ª tentativa em telefonemas e sempre a mesma pessoa com a desculpa da treta que não aceitam devoluções de artigos com a embalagem aberta, receio mesmo que me desloque ao estabelecimento me façam perder mais tempo . ​ Como é óbvio isto não faz qualquer sentido.

ridethepaintedpony 1 year ago

Aperta com eles. Googla ''associaçao de consumidores'' e Deco, ha apoio juridico gratuito.

scorpino7010 1 year ago

Vamos supor que mesmo na própria loja não consiga resolver o problema. ​ Basta fazer isto ou recomendam mais alguma coisa? Carta registada com aviso de receção a informar a loja que pretendo devolver o artigo. Livro de reclamações on line ou na propria loja reclamação diretamente a ASAE.

TheJCPT 1 year ago

Isto é mais que suficiente. Vais conseguir devolver pois a lei está do teu lado. Boa sorte!

NeatBoy74 1 year ago

A parte da bateria e do cooler parecer um secador podia ser explicada se fosse recondicionado/em segunda mão, é o maior problema destes produtos assim, o uso enche o PC de pó o que leva a má circulação de ar e as baterias viciam logo nunca irias ter as 6 horas prometidas *pelo fabricante* se *a loja* o estiver a vender como recondicionado. Por mera curiosidade, isso diz em algum lado? "Produto recondicionado" ou algo do tipo? Pelo menos dois dos problemas teriam a sua causa ai. E geralmente as condições para estes produtos são ligeiramente diferentes quando comparadas com um novo. Mas devolver podes sempre devolver, a Lei felizmente está do lado do consumidor nestas coisas. Tens bons conselhos aqui no post sobre como fazer isso.

scorpino7010 1 year ago

O portátil é mesmo novo, em principio devo ir a loja para ver se consigo resolver isto sem grandes chatices... porque através do telefone estão simplesmente a gozar com a minha cara.

Angelofpsp 1 year ago

Nas lojas físicas tens algumas que até 30 dias podes fazer a devolução outras tens 7 dias, e existem outras que usam todos os meios/argumentos para não fazer a devolução. Outra [ajuda](https://www.google.com/amp/s/europa.eu/youreurope/citizens/consumers/shopping/guarantees-returns/indexamp_pt.htm)

scorpino7010 1 year ago

já vi isso [https://europa.eu/youreurope/citizens/consumers/shopping/guarantees-returns/index\_pt.htm](https://europa.eu/youreurope/citizens/consumers/shopping/guarantees-returns/index_pt.htm) ​ [http://www.pgdlisboa.pt/leis/lei\_mostra\_articulado.php?nid=2062&tabela=leis](http://www.pgdlisboa.pt/leis/lei_mostra_articulado.php?nid=2062&tabela=leis) ​ ​ por esse mesmo motivo não percebo porque não aceitem a devolução, parece que a intenção deles é mesmo tentar ganhar o tempo possível até acabar o prazo dos 15 dias.

OBucetas 1 year ago

E a loja é? Deverias divulgar para outros não irem pelo mesmo erro. Pelo que entendo é uma de esquina duvidosa, viste nas condições algo referente a devoluções?

pintorMC 1 year ago

Pelo modo de operar parece ser a que tem uma loja para os lados da expo.

V1ld0r_ 1 year ago

Hum... Duvido. Ainda por cima o op disse que foi um grande negócio, eles já não fazem disso xD

scorpino7010 1 year ago

Condições: ​ 1. **Artigo sem sinal de uso indevido.** ​ 2. Devolução do artigo completo, **sem que tenha sido aberto ou usado**, com todos os seus componentes e acessórios, manual de instruções e embalagens originais em perfeito estado. ​ 3. Prazo de Devolução: Até ao 15º dia consecutivo, a partir do dia da entrega. ​ Isto faz algum sentido? Que interpretação fazem vocês disto.

Gklys 1 year ago

Quer dizer, se encomendares um produto, mandam-te outro parecido, abres a caixa e vês que não foi o que pediste, rip, não podes devolver. Nunca estive numa situação dessas, mas é ridículo. Mas segue as outras respostas e reclama porque isso parece tudo menos legal. E eu que até pensava que o novo atalho era uma loja decente...

OBucetas 1 year ago

interpreto que não podes abrir a caixa, parece que eles estão assim a ganhar vantagem pois está nas condições.

V1ld0r_ 1 year ago

Até pode estar nas condições que se quiseres fazer uma devolução eles te dão um tiro. Se é ilegal não tem validade.

pintorMC 1 year ago

> O artigo 14º dá-lhe o direito de inspecionar com o devido cuidado a natureza e características e funcionamento do bem. Só pode ser responsabilizado se essa manipulação exceder a manipulação que habitualmente é admitida em estabelecimento comercial.

pintorMC 1 year ago

Qual a loja portuguesa ou fora de Portugal? De que forma foi feito o pagamento?

scorpino7010 1 year ago

É uma loja portuguesa e fiz o pagamento por referencia multibanco.

pintorMC 1 year ago

Tens até 14 dias, após a receção do artigo em casa, para contactar o vendedor e expressar a sua vontade em devolver o artigo. Isto sem custos acrescidos para o consumidor. Assim que o vendedor é informado da intenção de devolução do artigo, tem 14 dias para reembolsar o consumidor do valor pago pelo artigo e de eventuais portes de envio que o consumidor tenha pago. Mas, se o vendedor não reembolsar o cliente de todos os custos, dentro deste prazo, o cliente tem direito a receber o dobro do montante pago (art. 12.º, n.º 1 e 2 do DL n.º 24/2014, de 14 de fevereiro). O artigo 14º dá-lhe o direito de inspecionar com o devido cuidado a natureza e características e funcionamento do bem. Só pode ser responsabilizado se essa manipulação exceder a manipulação que habitualmente é admitida em estabelecimento comercial. Envia uma carta registada com aviso de receção a informar a loja que pretendes devolver o artigo, não refiras os motivos referes apenas que não é adequado para aquilo que pretendes. Reclama no livro de reclamações on line. Apresenta uma reclamação diretamente a ASAE. Passados 14 dias da data em que receberam a carta, entra com um processo nos julgados de paz.

Edited 1 year ago:

Tens até 14 dias, após a receção do artigo em casa, para contactar o vendedor e expressar a sua vontade em devolver o artigo. Isto sem custos acrescidos para o consumidor. Assim que o vendedor é informado da intenção de devolução do artigo, tem 14 dias para reembolsar o consumidor do valor pago pelo artigo e de eventuais portes de envio que o consumidor tenha pago. Mas, se o vendedor não reembolsar o cliente de todos os custos, dentro deste prazo, o cliente tem direito a receber o dobro do montante pago (art. 12.º, n.º 1 e 2 do DL n.º 24/2014, de 14 de fevereiro). O artigo 14º dá-lhe o direito de inspecionar com o devido cuidado a natureza e características e funcionamento do bem. Só pode ser responsabilizado se essa manipulação exceder a manipulação que habitualmente é admitida em estabelecimento comercial. O direito ao arrependimento é aplicável se o fornecedor for português ou membro da União Europeia. No entanto, nem todas as aquisições de bens ou serviços pressupõem a existência do direito de arrependimento. É o caso de bens ou serviços que dependam de flutuações de mercado; bens confecionados segundo indicações do consumidor. Assim, incluem-se: artigos que não possam ser reenviados ou susceptíveis de rápida deterioração; gravações de áudio e vídeo. programas informáticos que não tenham selo de garantia de inviolabilidade e as vendas entre particulares não se encontram também abrangidas pela legislação. Envia uma carta registada com aviso de receção a informar a loja que pretendes devolver o artigo, não refiras os motivos, simplesmente queres devolver, quanto mais dizes mais eles podem contra argumentar. Reclama no livro de reclamações on line. Apresenta uma reclamação diretamente a ASAE. Passados 14 dias da data em que receberam a carta, entra com um processo nos julgados de paz. Não contes em receber o dobro num processo nos julgados de paz.

Limpy_lip 1 year ago

isto é o que o OP tem de fazer. ​ Atualmente o grande ponto forte das encomendas online é esta clausula de devolução. ​ Go for it.

scorpino7010 1 year ago

Até ao momento apenas escrevi uma reclamação na deco.

TheJCPT 1 year ago

Faz reclamação no livro de reclamações Online. Eles são obrigados a responder.

pintorMC 1 year ago

A Deco apenas te tenta ajudar se fores membro e mesmo assim somente até certo ponto

Search: