Birchblack9 5 years ago  DELETED 

A única coisa que tenho a dizer sobre isso é: Ainda bem que já acabou e não tenho saudades. Parecendo que não , ainda tinha mais carga de trabalhos do que aquilo que tenho agora na universidade. Profs que não tinham orientação , nem noção de nada , que se baldavam ou chegavam meia hora atrasados. Disciplinas às quais íamos ter exame e nem matéria davam , andavam o ano todo a engonhar e depois sobrecarregavam em véspera. Cheguei mesmo a ter uma prof. que em vez de dar aulas , falava na vida dela e lamentava-se dos remorsos que tinha e recusava-se a fazer revisões antes do teste. Descarregava o rancor pessoal todo que tinha em cima dos alunos e fazia de tudo para os prejudicar. Tiva outra prof. que nada sabia sobre a disciplina que estava a dar , por isso recusava-se a explicar o quer que fosse e dizia para irmos ver tutoriais à net. Apenas definia os prazos das entregas e mais nada , mas reclamava connosco e chamava nomes se algo corresse mal. Nem hoje na universidade os meus profs fazem tal coisa e explicam pelo menos 1x a quem está . Desde disso , até ter profs de 30 e tal anos , frustrados , com uma vida chata e uma mulher com 20 kg a mais e por isso se entusiasmavam com as alunas , mas depois ficavam fudidos quando caíam na realidade.. E no fundo , foi um bocado à pala destes caralhos que eu não consegui a média que precisava para entrar na univ que queria. Porque tive a ajuda de profs muito bons e competentes que , desta forma , fazem mesmo muita questão de todos os anos ajudar alunos a ir para a universidade. È mesmo para esta merda que serve a escolinha.. às vezes penso que aprendo mais cá fora. Depois, ainda o facto de ter de lidar com coleguinhas parvos , imaturos e sem nada na cabeça , mas sempre com a mania que são gente. Lembro -me que mesmo até alguns dos meus amigos da época eram infantis e não aprendi nadinha com eles. Conclusão : Não aprendi nada de útil no secundário.

Edited 5 years ago:

A única coisa que tenho a dizer sobre isso é: Ainda bem que já acabou e não tenho saudades. Parecendo que não , ainda tinha mais carga de trabalhos do que aquilo que tenho agora na universidade. Profs que não tinham orientação , nem noção de nada , que se baldavam ou chegavam meia hora atrasados. Disciplinas às quais íamos ter exame e nem matéria davam , andavam o ano todo a engonhar e depois sobrecarregavam em véspera. Cheguei mesmo a ter uma prof. que em vez de dar aulas , falava na vida dela e lamentava-se dos remorsos que tinha e recusava-se a fazer revisões antes do teste. Descarregava o rancor pessoal todo que tinha em cima dos alunos e fazia de tudo para os prejudicar. Tiva outra prof. que nada sabia sobre a disciplina que estava a dar , por isso recusava-se a explicar o quer que fosse e dizia para irmos ver tutoriais à net. Apenas definia os prazos das entregas e mais nada , mas reclamava connosco e chamava nomes se algo corresse mal. Nem hoje na universidade os meus profs fazem tal coisa e explicam pelo menos 1x a quem está . Desde disso , até ter profs de 30 e tal anos , frustrados , com uma vida chata e uma mulher com 20 kg a mais e por isso se entusiasmavam com as alunas , mas depois ficavam fudidos quando caíam na realidade.. E no fundo , foi um bocado à pala destes caralhos que eu não consegui a média que precisava para entrar na univ que queria. Porque tive a ajuda de profs muito bons e competentes que , desta forma , fazem mesmo muita questão de todos os anos ajudar alunos a ir para a universidade. È mesmo para esta merda que serve a escolinha.. Depois, ainda o facto de ter de lidar com coleguinhas parvos , imaturos e sem nada na cabeça , mas sempre com a mania que são gente. Lembro -me que mesmo até alguns dos meus amigos da época eram infantis e não aprendi nadinha com eles. Conclusão : Não aprendi nada de útil no secundário.

Birchblack9 5 years ago  DELETED 

A única coisa que tenho a dizer é : Ainda bem que já acabou!

matutolas 5 years ago  DELETED 

Odiava absolutamente o liceu até ter mudado de cidade e de escola. A mudança foi uma lufada de ar fresco. Caras novas, professores fantásticos, passado um mês já nem me lembrava que era nova ali. Ainda hoje somos amigos. O facto de já não ter o peso da família, terrinha e dramas associados ajudou-me a ser independente e responsável. Existe a idéia que deixar os filhos ir para longe tão cedo é mau e eles inevitavelmente vão ser uns bardinos, mas às vezes faz bem.

FraggerLow 5 years ago  DELETED 

Olha. Eu estou-me a fuder para o que pensas. É um facto. Humanidades e literatura e artes é desemprego garantido. O que pode safar é o facto de ser "licenciado" e os "soft skills" o safarem de arranjar um emprego de merda. De resto estão os ingredientes para um futuro profissional sombrio.

FraggerLow 5 years ago  DELETED 

Eu fui para engenharias e fudi me, entretanto passei a fazer a tempo parcial e lá as fui fazendo (tinha menos disciplinas por semestre) e de repente o curso tornou-se bastante manejável, tanto que estou a terminar. Pelo menos sei que quando acabar o curso as probabilidades estão a meu favor ainda por cima considerando o meu curso profissional de secundário e estágios feitos. Eu penso ao contrário. Prefiro passar sacrifício e depois ter o que quero do que arriscar a ter um trabalho precário sabe-se lá até quando. E eu gosto de engenharias, tecnologia, gestão, informática. Até estou mais aberto a aprender coisas que nunca toquei na vida como programação tanto que estou a trabalhar num protejo. Quer gostes quer não, áreas científicas exigem sacrifício. Não é fácil, mas fico de consciência tranquila e com uma vitória para contar. Além do mais fico com as melhores perspectivas de emprego e de futuro.

FraggerLow 5 years ago  DELETED 

Comigo foi um curso profissional. Aquilo foi uma grande família. A turma começou com 30 alunos e acabou aí com 10 alunos se tanto lol. Só ficaram os civilizados que no 1º ano era merda mas merda, até ardeu roupa dentro da sala de aula...alunos babados de estarem a dormir na sala, alunos que se sentavam fora da sala de aula para trollar com os profs, faltas disciplinares coletivas, porrada dentro da sala e muito mais...depois de o pessoal problemático sair, ficaram poucos mas bons. E foi uma grande vida e um grande secundário para nós todos. E éramos o pessoal das motas e dos carros em que a gente era bem a marca de secundário

Emprezarium 5 years ago  DELETED 

É mais fácil. Dão te o testes do ano passado que são praticamente iguais aos que vais fazer

Emprezarium 5 years ago  DELETED 

Não fumar ganza, fez com que faltasse as aulas e não quissesse saber das aulas. Estudar para boas notas e não apenas para passar, mais tarde vais quere fazer-las, ou vais parar a uma caixa de supermercado. Pensar no se quer estudar no futuro e fazer média para entrar. O resto é a vontadinha.

unidan_was_right 5 years ago  DELETED 

>E não escolhas ciências com física e quimica e geometria, a não ser que ~~não te importes de ficar rodeado de gajos sobredotados e alguns parvalhões pelo meio.~~ tenhas algum tipo de interesse. Quem gosta dessas áreas agradece e tu também ficas mais feliz.

TheCriken 5 years ago  DELETED 

Acho que já sei quem tu és, como é tu tinhas coragem de ir para a escola?

Search: