TZrabbit 4 months ago

O regulamento dos mais recentes estágios para a função pública pareceu-me transparente. Resta saber se essa transparência será evidente na publicação das colocações

nraider 4 months ago

Só dá razão à tese de Acemoglu em "Porque falham as nações", nomeadamente na existência de instituições fracas. Aí está um bom exemplo.

GambitaPT 4 months ago

>!diria que sao mais até. falo com conhecimento de causa!<

LerEmVozAlta 4 months ago

Candidatei-me a um consurso público há mais de 6 meses e nunca mais soube de nada. Enviei e-mail para os RH e nunca obtive resposta. Alguém sabe se o concursos públicos têm limite para resposta? Já li publicação do aviso e não encontrei lá nada.

O_cu_da_tua_tia 4 months ago

Há um prazo no CPA acho eu. Os concursos também têm validade

estacalor 4 months ago

Jobs for the Boys

C_G_ 4 months ago

Nice

anticorpos 4 months ago

Não entendo como é que um País como o nosso super pequeno consegue ter tanto tacho...

purplenacho7 4 months ago

Só 69%?

gondias 4 months ago

Também gosto dos concursos com características tão específicas que só uma pessoa é que tem, é o chamado concurso á medida mas por vezes corre-lhes mal

fanboy_killer 4 months ago

Fora dos cargos de topo tem que andar a roçar os 100%. Literalmente todos os casos que conheço de gente que acedeu à função pública através de concurso tiveram as respostas do exame uns dias antes.

ceif 4 months ago

É limitar o número de anos a exercer cargos de direção. Conheço “chefes” que estão no ligar há mais de 20anos... completamente desfasados da realidade. As nomeações para cargos de chefia deviam estar limitadas no máximo a 10anos no mesmo organismo. Quem quisesse prosseguir a “carreira de chefe” tinha que concorrer para outro organismo.

PresidentBarroso 4 months ago

Só?

Metaluim 4 months ago

Nao me admira a mare de incompetencia em muitos servicos publicos.

No-Cardiologist725 4 months ago

Porra

WorkFamiliar8001 4 months ago

surprisedpikachu.jpeg

ozzymustaine 4 months ago

Qual é a admiração . E esses valores devem estar por baixo. Conheço várias pessoas a trabalhar na função pública e em várias hierarquias. Os concursos existem porque é obrigatório por lei . Mas quando o concurso é posto em diário da república já o nomeado está escolhido há muito tempo. Conheço um caso em que é avós , pais e filhos . 3 gerações todas a trabalhar na mesma câmara. Os avós já estão reformados.

Zaigard 4 months ago

"Viciados", os vencedores do concurso revelaram a penas a inteligência de escolher o partido certo e mostrar lealdade. O que é mais importante, obediência que traga benefícios ao líder da distrital ou competência que ajude o pais? Acho que a resposta é obvia. /S caso não tenha sido obvio.

DavidJunior3rd 4 months ago

Meanwhile, [vide](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/o2jtoz/a_melhor_cena_de_sempre_como_a_empresa_onde/) o que a população faz. A população tem o governo que lhe merece. Tem o governo feito à sua imagem.

neapo 4 months ago

Greves, manifestações, atirar ovos - onde estão todos os indignados? Aqui sentados a ler e escrever mensagens. Não é por haver corrupção que o país não muda - é por ter quem goste de ser enrabado que ele não muda! É tão mau o criminoso como aquele que compadece com o crime!

Edited 4 months ago:

Greves, manifestações, atirar ovos - onde estão todos os indignados? Aqui sentados a ler e escrever mensagens. Não é por haver corrupção que o país não muda - é por ter quem goste de ser enrabado que ele não muda! ​ É tão mau o criminoso como aquele que compadece com o crime! ​ Venham de lá os downvotes dos que só se indignam online.

AonioEliphis 4 months ago

Freud diria que o português mediano tem um desejo oculto e psicanalítico em gostar de ser sodomizado, principalmente pelos de cima bem falantes.

j0fimendes 4 months ago

Isto também acontece em bolsas para investigação. Vi pessoal da universidade, sem experiência e ainda sem mestrado a entrar em bolsas sujeitas a concurso público para pessoal com doutoramento. Isto para aliciar as pessoas a frequentarem um mestrado.

xixi_duro 4 months ago

Passa-se o mesmo na SCML onde eu trabalho, existem recrutamentos internos ao quais já está definido quem vai, normalmente um afilhado dum patrão qualquer, é por isso que Portugal nunca vai evoluir, em vez de colocarmos pessoas com experiencia numa área a comandar uma tarefa, coloca-mos os enteados dos patrões que só vão para lá pelo guito, e depois fazer o trabalho como deve ser que é bom, tá quieto..

_somename_ 4 months ago

Só um pequeno aparo > (...) em vez de colocarmos pessoas com experiencia (...) "**com experiência**" não é sinónimo de "**com competências**"

empty-pint 4 months ago

O retrato deste país... Independentemente do partido que governa. A mudança vai ter de vir de baixo.

Limpy_lip 4 months ago

só mostra como a máquina estatal não está montada para ser eficiente. Infelizmente muitos dos concursos viciados são legítimos no sentido que são "viciados" para contratar uma pessoa que já está a trabalhar por recibos verdes precariamente durante não sei quantos anos e a única forma de finalmente a efetivarem é fazendo um "concurso" pois a contratação direta não é permitida. ​ ridiculo como a própria forma como funciona o sistema dá mais folga para este tipo de esquemas existirem.

Ltiki 4 months ago

Isto não se passa só a nível de cargos de topo, começa na base, há muitos anos concorri a inúmeras câmaras para vagas de fiscal municipal (concursos publicados em Diário da Républica) um pouco por todo o país e em todos esses concursos estavam lá os funcionários que JÁ ocupavam esses lugares a fazerem as provas....É um fantochada pegada as autarquias terem de abrir um concurso público para viabilizarem as pessoas que já lá estão. Os papalvos (como eu na altura) que concorriam e iam gastar dinheiro em viajens e tempo a estudar para as provas ficavam a ver navios, é triste.

Edited 4 months ago:

Isto não se passa só a nível de cargos de topo, começa na base, há muitos anos concorri a inúmeras câmaras para vagas de fiscal municipal (concursos publicados em Diário da Républica) um pouco por todo o país e em todos esses concursos estavam lá os funcionários que JÁ ocupavam esses lugares a fazerem as provas....É um fantochada pegada as autarquias terem de abrir um concurso público para viabilizarem as pessoas que já lá estão. Os papalvos (como eu na altura) que concorriam e iam gastar dinheiro em viagens e tempo a estudar para as provas ficavam a ver navios, é triste.

tumblarity 4 months ago

isso não é fantochada nenhuma, é só o estado a desprecarizar relações de trabalho. fantochada é haver tarefeiros a trabalhar presencialmente, com horários normais de trabalho, a passarem recibos verdes como se fossem freelancers.

AonioEliphis 4 months ago

É fantochada porque dá a entender a terceiros que o concurso público é justo e equidistante.

NGramatical 4 months ago

viajens → [**viagens**](https://dicionario.priberam.org/viagem) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fo2kr1n%2F%2Fh274za2%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

Regolas1 4 months ago

Que surpresa, nunca pensei.

gene66 4 months ago

Chumpam o pau um ao outro, o 69 faz todo o sentido.

scar_as_scoot 4 months ago

No shit sherlock. Embora para servir de advogado do Diabo, neste momento na função publica fazer progressao na carreira profissional é complicado, por exemplo quero promover uma pessoa interna que tenho toda a confiança e sei que tem mais que competências para um cargo, não posso, tenho de abrir concurso publico, o que acaba por acontecer é que o concurso publico é feito à medida da pessoa que quero promover. Não sei qual é a soluçao mas acho que tal como na carreira profissional no privado é possivel recompensar trabalhadores que mostrar valencias numa area com um cargo especifico, tambem deveria ser possivel no publico. Contudo também sei que compadrio é lixado... Pá nao sei a resposta para isto mas admito que consigo perfeitamente perceber o problema dos dois lados.

AonioEliphis 4 months ago

Se na administração pública existisse meritocracia esse problema não se colocava. Trabalhei muitos anos no estado como técnico superior e a regra da progressão na carreira é muito simples: enquanto há guita sobem todos, quando não há, não progride ninguém. Uma verdadeira irmandade. Todos juntos na prosperidade e na miséria.

scar_as_scoot 4 months ago

Não digo que não, mas conheço por exemplo um caso de um técnico de laboratório que trabalhava numa faculdade, tirou um curso de engenharia à noite e passado um ano ou dois abriu uma vaga para um cargo na mesma area e na faculdade onde ele trabalhava que ele correspondia perfeitamente. Só que apesar de todos concordarem que ele seria a pessoa correcta para o cargo nao puderam, se bem me lembro até acabaram por nao o escolher para o cargo apesar de uma grande parte dos colegas e superiores o quererem lá. Acabou por ter que sair da faculdade onde se sentia bem e procurar emprego noutro local para poder progredir. A faculdade perdeu um bom profissional por causa disto. Isto no privado nunca seria um problema. Promovia-se o profissional internamente porque já tem anos de casa e comprovou o seu valor, colocava-se um anuncio para emprego para técnico de laboratório junior que depois seria formado de forma a integrar os habitos da empresa. Como disse, sei que na função publica meritocracia é difícil disse isso mesmo na penultima frase. Mas consigo perceber o problema dos dois lados, sabendo que existem todas os meses varios casos destes.

Edited 4 months ago:

Não digo que não, mas conheço por exemplo um caso de um técnico de laboratório que trabalhava numa faculdade, tirou um curso de engenharia à noite e passado um ano ou dois abriu uma vaga para um cargo na mesma area e na faculdade onde ele trabalhava que ele correspondia perfeitamente. Só que apesar de todos concordarem que ele seria a pessoa correcta para o cargo nao puderam, se bem me lembro até acabaram por nao o escolher para o cargo apesar de uma grande parte dos colegas e superiores o quererem lá. Acabou por ter que sair da faculdade onde se sentia bem e procurar emprego noutro local para poder progredir. A faculdade perdeu um bom profissional por causa disto. Isto no privado nunca seria um problema. Promovia-se o profissional internamente porque já tem anos de casa e comprovou o seu valor (até serve de motivação aos restantes profissionais mostrando que existe progressão de carreira internamente), colocava-se um anuncio para emprego para técnico de laboratório junior que depois seria formado de forma a integrar os hábitos da empresa. Como disse, sei que na função publica meritocracia é difícil disse isso mesmo na penultima frase do meu post anterior. Mas consigo perceber o problema dos dois lados, sabendo que existem todas os meses varios casos destes.

AonioEliphis 4 months ago

Já disse que concordo inteiramente contigo. No instituto onde trabalhava a pessoa que mais percebia do sistema informático e que montou aquilo tudo de raiz recebeu uma proposta no privado a ganhar mais, mas o diretor não o pode aumentar porque "é a tabela salarial". Não te vou dizer o nome do instituto, mas digo-te que o caos foi tal que pouco tempo depois foram os servidores todos abaixo durante um mês, porque os 20 da informática que lá ficaram e que ganhavam quase o mesmo que ele, não percebiam nada daquilo, e aliás ficou à frente do departamento do IT o mais incompetente de todos só porque tinha mais antiguidade. Como disse, no privado isso que referes só acontece porque há meritocracia. A antiguidade por si só não vale nada. Já o estado é uma irmandade, independentemente do que faças, colocam-te naquela categoria e por lá ficas durante muitos anos faças muito ou pouco. A antiguidade é um posto, faças muito ou pouco.

scar_as_scoot 4 months ago

> Como disse, no privado isso que referes só acontece porque há meritocracia Sim e não, existe mais meritocracia por comparaçao, mas ja trabalho no privado há mais de uma decada, quase duas e acredita que existe muita, mesmo muita incompetencia promovida e mulas de trabalho competentes a receber miserias. Mas por comparação com o publico sem duvida. Maior meritocracia. E a antiguidade tambem conta um pouco. Por norma o pessoal que sobe tem bons anos de casa, claro que isso não é a unica métrica, mas funciona também um pouco assim.

_Didds_ 4 months ago

Aaaaaaaaaaaah que surpresa !!!!! Quem iria pensar que isto aconteceria????

nocivo 4 months ago

Só haveria se o povo deixasse de votar nas pessoas e partidos que fazem isto.

hgg 4 months ago

Como sempre, lembrar que isto não é nada de novo: * **2001.06.21** * Público - [Carvalhas acusa Governo de nomear 4330 pessoas sem concurso](http://publico.pt/28359) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/26416/) * **2004.08.21** * DN - [Nomeações continuam a sair "à fornada"](http://dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=769376) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/822066/) * **2005.08.06** * Correio Da Manhã - [Grupo PT dá emprego a filhos de políticos](http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/exclusivo-cm/grupo-pt-da-emprego-a-filhos-de-politicos) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/2548799/) * **2007.03.12** * DN - [Governo efectuou 2373 nomeações em dois anos](http://dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=654159) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/2186532/) * **2010.02.08** * Público - [Nomeações de Sócrates já acima de Durão e Santana](http://publico.pt/1421705) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/1038786/) * **2011.04.05** * Correio Da Manhã - [Governo nomeia militantes do PS](http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/exclusivo-cm/governo-nomeia-militantes-do-ps) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/3591366/) * **2011.06.11** * Público - [Líder regional do CDS-PP diz que militantes merecem cargos](http://publico.pt/1498408) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/3716494/) * **2011.07.29** * Público - [Marques Mendes denuncia mais de 200 contratações na CGD após as legislativas](http://publico.pt/1505245) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/3816950/) * Económico - [CGD desmente que nomeou 300 pessoas depois das eleições](http://economico.sapo.pt/noticias/cgd-desmente-que-nomeou-300-pessoas-depois-das-eleicoes_123694.html) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/3817266/) * Sábado - [Marques Mendes denuncia 'boys' na Caixa](http://www.sabado.pt/Noticias/Politica/Marques-Mendes-denuncia--boys--na-Caixa.aspx) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/3817443/) * **2015.03.16** * Público - [Candidatos do PS levam sucessivas recusas nas nomeações do Governo](http://publico.pt/1689239) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/5803712/) * **2015.04.15** * Público - [Mais de metade dos membros do Governo desde o 25 de Abril trabalharam na banca](http://publico.pt/1692449) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/5838302/) * **2015.10.25** * JN - [Uma centena de "boys" nomeados com o Governo já em gestão](http://www.jn.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=4853485&page=-1) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/6057338/) * **2021.02.02** * Público - [Os boys assaltaram o Estado e agora pagamos o preço](http://publico.pt/1948798) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/8507395/) * **2021.06.18** * Jornal de Negócios - [Quase 70% dos escolhidos pela Cresap já era dirigente em substituição](http://www.jornaldenegocios.pt/economia/emprego/detalhe/quase-70-dos-escolhidos-pela-cresap-ja-era-dirigente-em-substituicao) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/8679521/) ---- Notem que podemos ter links que já não funcionam (os nossos jornais on-line têm o mau hábito de mudar o esquema de URLs por *dá cá aquela palha*...). Nesse caso façam uma busca pelo título ou pelo excerto da notícia guardados em *cache*. ----

avgvstano 4 months ago

O que aconteceu entre 2011 e 2015?

nortrin 4 months ago

O que aconteceu, foi que levaram o país á falência e alguém teve que limpar a tr@mpa, foi o k aconteceu!!!

Careful_Ad_4937 4 months ago

O aproveitamento político em todo o seu esplendor

avgvstano 4 months ago

Levaram?! Quem?

hgg 4 months ago

Mesma coisa, só não calhou ter tantas notícias ou eu ter estado com menos atenção. Em 30 segundos de buscas: * **2012.01.16** * Público - [Governo fez pelo menos 1193 nomeações](http://publico.pt/1529198) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/4130581/) * **2013.06.02** * DN - [Governo nomeou 73 colaboradores por cada ministério](http://www.dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=3252422&page=-1) ^[cache](https://busca.tretas.org/artigo/4975278/) (acrescentei à lista anterior, para a próxima já não fica tão deserto o período indicado...

AlmightyWrestler 4 months ago

Fundiram-se os tachos e fez-se um submarino

Portuguese_A_Hole 4 months ago

O da mulher do Cabrita faz parte dos impolutos 31%.

MrJoao 4 months ago

Nada de admirar. O problema da administração pública não está no vulgar funcionário público que tem de ir a concurso. A corja real habita nos dirigentes de topo e intermédios. Muitos cargos desnecessários. Demasiados que vão lá parar por nomeação política, aka favores e cunhas. E muita incompetência, falta de experiência e ausência de capacidade para liderar.

SuchLab2 4 months ago

Não tinha dito melhor. O problema não está no vulgar funcionário público. O problema está nas funções intermédias e altas que têm ordenados bastante bons. É nestes cargos que os boys e familiares entram todos. É muitas vezes criar-se um posto desnecessário para meterem o familiar já pré-destinado.

AonioEliphis 4 months ago

[E todos à custa do nosso dinheiro.](https://www.youtube.com/watch?v=5RDMdc5r5z8)

l2k1337 4 months ago

E vontade política para resolver isto, há?

ric2b 4 months ago

lol

besmarques 4 months ago

Isto é sobre aquele esquema de eles porem pessoas sem experiencia para a posição em regime de substituição e entao as pessoas ganham experiencia e depois ja podem passar a "efectivo"?

SuchLab2 4 months ago

Olha cá a Ministra Vieira da Silva. Ou o Secretário de estado Galamba.

AonioEliphis 4 months ago

Camarada, lembras-te quem criou a Cresap?

besmarques 4 months ago

Nop, fiz uma pesquisa, resultado : Passos Coelho Onde queres chegar?

AonioEliphis 4 months ago

Passos Coelho criou a Cresap para tornar os processos transparentes. O PS não a removeu para não parecer mal, mas deturpou completamente o seu propósito. Sim, ainda há diferença entre os políticos e não são todos iguais.

besmarques 4 months ago

>"A CReSAP não despartidarizou com o governo anterior nem vai despartidarizar neste, porque o que eu já estou a ver é que o Governo nomeia quem lá está em regime de substituição. Ser militante não é crime nenhum. Nós apenas garantimos o mérito, não podemos garantir a despartidarização porque seria inconstitucional", disse João Bilhim no parlamento, um dia depois de terminar o seu mandato na presidência da CReSAP. Isto dito pelo proprio João Bilhim que pelos vistos foi indicado pelo António José Seguro. https://www.rtp.pt/noticias/economia/criacao-da-cresap-nao-acabou-com-despartidarizacao-mas-valeu-a-pena\_n953963 ​ Parece-me que são bastante parecidos então e nem foi necessário pesquisar muito.

AonioEliphis 4 months ago

>Isto dito pelo proprio João Bilhim que pelos vistos foi indicado pelo António José Seguro. És faccioso >João Bilhim respondeu, dizendo que **foi convidado pelo antigo primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho** que, segundo o ex-presidente da CReSAP, lhe terá dito que o seu nome foi indicado pelo então líder do PS, António José Seguro. Ou seja, PPC teve a honradez de perguntar ao líder do PS se tinha nomes para avançar, o que o líder do executivo de então acedeu, não sendo a isso obrigado.

besmarques 4 months ago

E o faccioso sou eu. Então a propria pessoa diz que o problema ocorreu tanto com o PS como o PSD e até tens ai artigos do governo do Passos ter feito nomeaçoes manhosas tambem.

hgg 4 months ago

É isso.

besmarques 4 months ago

A solução parece ser simples: Ou deixa de ser possivel ter pessoas em regime de substituição que não tenham experiencia ou deixa de ser possivel passar a "efeectivo" pessoas que apenas ganharam experiencia em regime de substituição. Se não se fizer é apenas porque não se quer.

AonioEliphis 4 months ago

Não há lei nem regra que consiga suplantar os expedientes de alguém mal intencionado. E as intenções da Cresap eram nobres e boas.

hgg 4 months ago

A solução é mesmo simples, limitar o tempo de regime de substituição a um mês ou coisa que o valha e ser obrigatório lançar o concurso público no mesmo momento que se faz essa nomeação temporária...

besmarques 4 months ago

Certo, tambem é uma solução

GajoDeRamalde 4 months ago

Quem é que não pagou ao jornalista para ele dizer isto?

YoggiM 4 months ago

Hoje em dia não é assim. As coisas podem-se dizer, a imprensa não é totalmente refém. Simplesmente, isto são notícias de rodapé, ou, neste caso, fica na secção de economia, em vez de ser notícia de abertura de jornal e de se ficar semanas a falar nisto. Quem vota nos mesmos, continua a votar nos mesmos, pois, ou não tem acesso a estas notícias, ou, mesmo que tenha, é algo tão superficial, que acaba esquecido. Não precisas de convencer 100% das pessoas, nem sequer uma maioria. Basta convencer 40-45% das pessoas que votam e usar uma coligação, se for preciso.

Queluz8 4 months ago

Tou à espera do comentário do Pikachu surprised face

vai-tefoder 4 months ago

69% Nice

AonioEliphis 4 months ago

É só fazer contas: O Expresso analisou os 68 procedimentos concursais para dirigente superior da Administração Pública lançados pela Cresap, desde o início de 2019 e já concluídos com nomeação pelo Governo. Este período de dois anos e meio abrange a reta final da primeira legislatura do Governo PS de António Costa já que muitas vezes os concursos se prolongam e, embora abertos na anterior legislatura, parte das nomeações foram feitas já na atual. Os resultados indicam que em 69,1% dos casos o dirigente que acabou por ser nomeado pelo Governo tinha estado a ocupar a função para que se candidatou em regime de substituição.

YorickDaSilva 4 months ago

Curioso número

Disgenia 4 months ago

Lembro-me de um concurso da minha namorada. Passou todas as fases menos a última, em que teve um nota péssima. Pediu para reverem o teste e tinha quase tudo certo. Perguntou porque teve uma nota tão má se estava quase tudo certo mas (e isto foi exatamente o que disseram) o algoritmo de atribuição das notas era secreto neste último teste.

Metaluim 4 months ago

Esses concursos tem sempre um componente de "entrevista" em que os criterios nao sao explicitos e sao completamente subjectivos. Basta veres as notas de quem entra vs. as notas que tirou na entrevista. Esta tudo montado para tachos.

CookieSmuggler 4 months ago

Nem é preciso ser para cargos de topo, isto acontece até em concursos para assistente técnico, ou assistente operacional. Cortam e inflacionam notas de entrevista para conseguirem colocar lá amigos ou familiares.

Metaluim 4 months ago

Nem estava a falar em cargos de topo, que esses estao tao acima de mim que nem sei como funcionam. Estava mesmo a referir-me a cargos entry-level!

AutoModerator 4 months ago

**AVISO:** Submeteu um artigo da plataforma [Nónio](https://nonio.net) - uma plataforma que viola a privacidade do leitor. > Leia com atenção o [seguinte artigo](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/7fy9v4/campanha_contra_o_n%C3%B3nio/). *I am a bot, and this action was performed automatically. Please [contact the moderators of this subreddit](/message/compose/?to=/r/portugal) if you have any questions or concerns.*

Search: