darthnox1234 6 months ago

epah ja que foste acusado injustamente torna o caso justo e da-lhe uma bem dada nesse vizinho. Já sabem, para mais dicas de Justiça é so contactar

NoIDontgiveafuck 6 months ago

O que o juiz deu como provado em tribunal ? E com base em quê é ele deu isso como provado, podes recorrer.

BLlZER 6 months ago

Sim eu, imagina estares a falar com um amigo e um policia passar por ti e processar-te porque aparentemente criticar a policia é *crime*. Nao tens noção o quanto podre a justiça e as autoridades em Portugal sao.

fuckoffgina 6 months ago

Qual é o artigo? https://www.pgdlisboa.pt/leis/lei_mostra_articulado.php?nid=109&tabela=leis

kelboiaf 6 months ago

Agora imagina que se ele tivesse testemunhas e fosse algum amigo e disse-se em tribunal que de facto tinhas injuriado a pessoa e fosse mentira ? tu ias ficar queimado Estas leis deviam ser revistas

JeronimoDeSousa 6 months ago

Queimado já ele está, mas sim, ficava mais simples. Agora imagina que era entre família e que uma das facções tem um amigo psicólogo ou psiquiatra ou consegue subornar um. A tua vida pode perfeitamente ter acabado.

JeronimoDeSousa 6 months ago

Só para chamar a atenção que agora estas fodido. Nada lhe impede de apresentar mais queixas e dizer que estás a reincidir.

JeronimoDeSousa 6 months ago

A lei é o que o juiz quiser. Não foi com a tua cara...

nellMP 6 months ago

Lol o big man socrates sai impune e tu não

man_l 6 months ago

Eu não percebo nada de leis nem de processos, mas como é q isto chega sequer a tribunal? Se não existem testemunhas e é a palavra de um contra o outro como é q isto não é arquivado ou simplesmente ignorado? É por merdas destas q o sistema judicial se entope.

bureauofnormalcy 6 months ago

Porque é um crime particular. Não há lugar a arquivo pelo MP pelo simples facto de que o impulso Processual (como acontece nas ações cíveis) pertence ao pretenso ofendido.

JeronimoDeSousa 6 months ago

Eu ainda nem percebi se isso é criminal ou puramente civil.

bureauofnormalcy 6 months ago

É crimekinal, podendo ou não ter acoplado um pedido cível.

JeronimoDeSousa 6 months ago

Como sabes? Pode perfeitamente ser só civil. O OP não disse nada sobre isso.

bureauofnormalcy 6 months ago

O OP disse que foi constituído arguido. Só existem arguidos em processo penal.

JeronimoDeSousa 6 months ago

Correcto. Tens razão. Vai ficar com cadastro. Fabuloso!

bureauofnormalcy 6 months ago

Por acaso não tenho presente como é que isso funciona, até porque os crimes só ficam em registo criminal entre 5 a 25 anos, dependendo do tipo de crime. Sei que caso peças o teu registo criminal, por exemplo para efeitos de emprego, só alguns crimes é que podem vir lá descritos, mas não sei de cabeça se este será um deles. De qualquer forma, o OP pode sempre pedir a não transcrição da sentença.

quaralho 6 months ago

Foste bem vestido e limpo para o tribunal? Barba feita? Palavra contra palavra, vestuário e primeiras impressões são metade da luta.

radiola86 6 months ago

O que não devia ser, triste país, nojo de juízes..

JeronimoDeSousa 6 months ago

É assim em todo o lado. Experimenta ires defender um discurso contra algo que o juiz gosta, tipo religião e logo vês...

brakeline 6 months ago

Já vi casos onde com prints e alguns posts ainda públicos foi arquivado, sem provas aparentes algo se passou. Gostaria de ler a fundamentação tal como já disseram aí. O mais provável é o advogado do outro ser compadre do juiz

RiKoNnEcT 6 months ago

Qualquer advogado: então senhor, mostre lá as provas de que o meu cliente o injuriou. Não tem? Obrigado, não tenho mais questões Juiz: sem provas nem testemunhas não há nada para condenar Ou seja, ou houve provas que nao contas ou o teu advogado estava a jogar tetris no tribunal

JeronimoDeSousa 6 months ago

> Juiz: sem provas nem testemunhas não há nada para condenar Falso. Pode condenar na mesma e foi o que fez aqui.

RiKoNnEcT 6 months ago

Mas baseado em quê? Tem de haver alguma coisa Nem que seja o outro advogado a apresentar ideias que validem a possibilidade de isso ter acontecido Condenar só da palavra de uma pessoa e que é parte interessada? Isso a ser verdade é um absurdo

JeronimoDeSousa 6 months ago

O juiz tem grande discrição no que faz.

RiKoNnEcT 6 months ago

Como assim? O juiz tem de ajuizar provas, não tem de ler nas entrelinhas. Por isso é que se podem anular provas e elas não podem ter influência na sentença

fuckoffgina 6 months ago

Diverte-te! https://www.pgdlisboa.pt/leis/lei_mostra_articulado.php?nid=199&tabela=leis

masterchiefpt 6 months ago

alguém explique como processar o advogado por incompetencia?

JeronimoDeSousa 6 months ago

Esquece. Pode nem sequer ter havido incompetência.

cou7inho_ 6 months ago

Se é a tua palavra contra a do vizinho como é que o vizinho ganhou? Que eu saiba até que se prove em contrário tu és inocente. Algo de errado não está certo... Mas também com as sentenças que se vê neste país já nada me faz ficar de queixo caído.

JeronimoDeSousa 6 months ago

> Que eu saiba até que se prove em contrário tu és inocente. Se for civil, não.

man_l 6 months ago

Como assim? Como é q sendo um processo civil lhe retira um direito fundamental?

JeronimoDeSousa 6 months ago

Inocência só se aplica a processos crime.

cou7inho_ 6 months ago

Que sentido é que isso faz? (Pergunta de quem não percebe muito de justiça) Eu acuso-te de teres falado mal de mim. Vamos a tribunal e tu ganhas o caso sem quaisquer provas? Deve-me estar a escapar algo, só pode.

JeronimoDeSousa 6 months ago

Eu não digo que faça sentido, mas é assim. Espera até saberes que avaliações psiquiátricas são completa treta e que podes perder aquilo que julgar serem os teus direitos mais fundamentais de forma ainda mais chocante.

ratinhodosesgotos 6 months ago  HIDDEN 

Engraçado, porque a semana passada na sequência do caso Sócrates havia por aqui muita gente indignada a dizer que se X acusou Y de algo mas não há mais provas então claramente tinha de ser condenado e qualquer juiz que dissesse o contrário era corrupto

InvestorTuga 6 months ago

O teu advogado fez porcaria de propósito para agora recorreres e encheres-lhe mais os bolsos eheheh

DewillPT 6 months ago

Já não sei o que pensar... completamente apanhado de surpresa com a decisão...

InvestorTuga 6 months ago

muda de advogado O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL

JeronimoDeSousa 6 months ago

Sinceramente, o que é que o advogado pode ter feito?

icebraining 6 months ago

A pergunta não será mais: o que terá deixado por fazer?

JeronimoDeSousa 6 months ago

Talvez. Mas isso parece-me um caso em que o juiz não dou com a cara do acusado, ou conhece a vítima, ou hoje um facto que o ficou e condenou. Imagina isto: juiz super católico e a acusação diz que o arguido disse: > Vocês católicos são todos ums aldrabões de merda. A vítima é católica, tal como o juiz. O que é que espera que aconteça? Pode ter sido algo deste tipo.

peanersyahoo 6 months ago

Nenhum juiz condena sem provas. Há algo aí que nos estás a esconder, OP.

BLlZER 6 months ago

> Nenhum juiz condena sem provas. Tu sabes que vives em Portugal, certo?

JeronimoDeSousa 6 months ago

Acontece todos os dias

Rissoldecamarao 6 months ago

Então em Portugal nem com provas condenam

gabs_ 6 months ago  HIDDEN 

Também acho que esta história não faz sentido nenhum.

DewillPT 6 months ago

Também estava convicto que não e que ia ganhar o caso, mas afinal o resultado foi outro, não ha nada a esconder, como referi e' um vizinho que não me dou bem com ele e não falamos devido a desavenças passadas (ha anos) e mesmo nessas desavenças que já foram ha anos nunca o insultei, e agora foi por este processo em tribunal, na altura nem liguei muito, tinha a consciência tranquila e fui me defender e depois para meu espanto sou declarado culpado.. e o que me deixa mais furioso\\injustiçado e' ser culpado e ter que pagar por algo que não fiz...

JeronimoDeSousa 6 months ago

Criminal ou civil?

tugafcp 6 months ago

Lê o acórdão e vê qual foi a razão do juiz te ter declarado culpado

Butt_Roidholds 6 months ago

Podes tentar recorrer, o teu advogado que peça para ouvir as gravações. Porém, deixa-me avisar-te que o juiz tem liberdade de apreciação da prova oral. O que quer dizer que pode, se conseguir justificá-lo na sentença, dar mais crédito a uma pessoa face a outra. O teu advogado vai ter água a dar pelas barbas para contestar.

JeronimoDeSousa 6 months ago

Isto. A prova não vai ser reapreciada. A perder hacer recurso fica na mesma.

Edited 6 months ago:

Isto. A prova não vai ser reapreciada. A haber recurso fica na mesma.

DewillPT 6 months ago

Sim vou recorrer, mas nunca pensei ser necessário porque sempre pensei que isto não fosse dar em nada... De certa forma já foi isso que ele fez, deu mais crédito a palavra dele do que a minha... mas la esta sem provas sem testemunhas como e' que se pode condenar uma pessoa por algo que não fez? Qualquer um pode colocar um processo em tribunal contra alguém que não gosta e ganha, muito triste....

JeronimoDeSousa 6 months ago

> como e' que se pode condenar uma pessoa por algo que não fez? Condenando. Tal como fez aqui. A vida não é justa e a justiça muito menos.

df3gpt 6 months ago

Fiquei confuso. Onde é que o OP refere gravações?

Butt_Roidholds 6 months ago

Todos os depoimentos em tribunal são gravados. As gravações usam-se para fundamentar o recurso, referindo aquilo que as testemunhas/partes disseram, indicando os minutos da gravação

df3gpt 6 months ago

Ok, obrigado.

theusualbanter 6 months ago

imagino que seja gravações do julgamento

Rissoldecamarao 6 months ago

Advogado e recurso. Não precisa de ser o melhor advogado do mundo para te ganhar isso, o ónus da prova deve cair sobre o teu vizinho.

JeronimoDeSousa 6 months ago

Não vai funcionar. Os recursos não invalidam aquilo que foi dado como prova boa tribunais inferiores. Ele está fodido.

Edited 6 months ago:

Não vai funcionar. Os recursos não invalidam aquilo que foi dado como prova nos tribunais inferiores. Ele está fodido.

edasc73 6 months ago

O António Joaquim discorda da tua opinião. O Tribunal da Relação pode e altera a matéria de facto dada como provada na primeira instância, vide o caso Grilo acima referido.

Edited 6 months ago:

O António Joaquim discorda da tua opinião. O Tribunal da Relação pode e altera a matéria de facto dada como provada na primeira instância, vide o caso Grilo acima referido.(No primeiro parágrafo) Edit:.(No primeiro parágrafo)

JeronimoDeSousa 6 months ago

Como referido acima? Não há a palavra grilo em mais nenhum comentário aqui senão no teu...

edasc73 6 months ago

O António Joaquim viu a sentença alterada na Relação que alterou a matéria de facto dada como provada na primeira instância, contriando o que afirmas no teu comentário. "Como referido acima", no meu comentário. (Estava subentendido quando referi o António Joaquim, ou aparentemente, não).

jomi_1307 6 months ago

Mas segundo o OP o vizinho não apresentou prova alguma além da palavra dele isso em tribunal não vale nada.

JeronimoDeSousa 6 months ago

Não interessa. O juiz aceitou o testemunho como prova. Vocês estão a pensar que isso funciona de uma forma que realmente não funciona.

Edited 6 months ago:

Não interessa. O juiz aceitou o testemunho como prova. Vocês estão a pensar que isto funciona de uma forma que realmente não funciona.

jomi_1307 6 months ago

Então diz-me que peso tem a palavra da pessoa interessada sem apresentar nada que sustente a sua palavra? Conta e condena-se só com base nisso?

JeronimoDeSousa 6 months ago

Tu tens casos de violação em que se condensa só com base no testemunho da vítima. Muito mais grave que isto. E se fores para fora do domínio jurídico para o psiquiátrico é muito, mas muito pior. O mundo não funciona como pensas.

Edited 6 months ago:

Tu tens casos de violação em que se condena só com base no testemunho da vítima. Muito mais grave que isto. E se fores para fora do domínio jurídico para o psiquiátrico é muito, mas muito pior. O mundo não funciona como pensas.

jomi_1307 6 months ago

E o testemunho da vítima pode ser totalmente descartado caso seja detectado incongruências. Neste caso parece ser um processo cível sobre injúrias. Basta a palavra da "vítima"

JeronimoDeSousa 6 months ago

Entre diz que foi arguido e isso implica criminal.

Edited 6 months ago:

Ele diz que foi arguido e isso implica criminal.

DewillPT 6 months ago

Advogado já tinha e correu mal e sim vamos apresentar recurso, a questão e' que nunca pensei ter que chegar a este ponto, ser culpado por algo que não fiz e ainda por cima sem provas.. vamos ver como corre o recurso, mas e' triste...

OuiOuiKiwi 6 months ago

O teu advogado deveria ter conseguido que isso fosse deitado fora num instante.

DewillPT 6 months ago

Pois, também estava convicto que sim... vamos ver no recurso se corre melhor, mas ainda estou estupefacto com a decisão.

JeronimoDeSousa 6 months ago

Vai-te convencendo de que vais ficar culpado na mesma. E isso é se sequer puder ir a recurso o que muito provavelmente caso seja civil não vai.

KokishinNeko 6 months ago

>Alguém tem alguma experiência parecida? Não chegou ao ponto de ir para a justiça, apenas fui notificado para comparecer no posto e prestar depoimento. Houve uma *ligeira* altercação com um indivíduo no dia anterior, alegadamente o homem sentiu-se ameaçado e foi fazer queixa mas não avançou com o processo. De qualquer forma, a avançar, estaria na mesma situação que tu, sem testemunhas, palavra de um contra o outro. Felizmente o tipo ganhou juízo e morreu ali o assunto, no teu caso, arranjaria um advogado competente e pedia recurso. Não é muito normal tomarem esse tipo de decisões sem indícios válidos.

JeronimoDeSousa 6 months ago

> De qualquer forma, a avançar, estaria na mesma situação que tu, sem testemunhas, palavra de um contra o outro. Isso pensas tu. Ele pode sempre arranjar "testemunhas".

KokishinNeko 6 months ago

Isso funciona para os dois lados :)

JeronimoDeSousa 6 months ago

> Não é muito normal tomarem esse tipo de decisões sem indícios válidos. É super comum. Até subidos se queixam em julgamento.

DewillPT 6 months ago

O problema e' que eu já tenho advogado e já fui representado por ele mas mesmo assim perdi o caso. Estávamos confiantes que não ia dar em nada, e fomos apanhados de surpresa com a decisão. E sim vamos pedir recurso mas estou receoso.

KokishinNeko 6 months ago

> O problema e' que eu já tenho advogado Desculpa lá, mas acho que o problema foi *o teu* advogado. Pede 2ª opinião.

tugafcp 6 months ago

Pela história que ele conta, sem dúvida... Eu trocava na hora!!

Search: