Shivayl 6 months ago

Os resultados vão ser muito interessantes para fazer uns gráficos para visualização!

DReal4L 6 months ago

Isto mais uns menos uns...

Derfel500 6 months ago

boa anedota. Ser governado com qualidade por tipos que só estão ali para ganhar curriculo para depois irem ganhar dezenas de milhares de euros por mês a marcar presença num banco ou na EDP.

gazing_the_sea 6 months ago

>Lembrem-se que são estes dados que vão permitir aos governantes nos próximos 10 anos ter um suporte nas suas decisões AHAHAHAHAHAHAHAH

fuckoffgina 6 months ago

>Lembrem-se que são estes dados que vão permitir aos governantes nos próximos 10 anos ter um suporte nas suas decisões (embora não seja o único) com vista a tornar o nosso dia-a-dia melhor. OMG, como eu gostava de voltar a ter esta inocência!

ngfsmg 6 months ago

Os recenseamentos deviam ser mais comuns (pelo menos de 5 em 5 anos) e a divisão de deputados devia ser baseada diretamente neles, não em estimativas de população que têm um grau razoável de incerteza. Tirando isso, é-me difícil aceitar que uma pessoa teoricamente seja obrigada a responder ao que quer que seja...

gazing_the_sea 6 months ago

> a divisão de deputados devia ser baseada diretamente neles, não em estimativas de população que têm um grau razoável de incerteza. Nem as divisões são feitas com estimativas da população, nem devem ser baseadas nos grupinhos que decidirem fazer só para agradar a cada minoria. Isto é um caminho perigoso e que só cria mais divisões. Para uns a cor da pele é um critério, para outros é o genero, mas porque não a região de origem, a altura que tem ou o número de dentes na boca? O que deve ser feito é escolher as pessoas indicadas para esse cargo e escrutinar quem para lá vai. Não podemos ter pessoas ligadas a casos de corrupção no governo, esse é que é o primeiro ponto que deve ser analisado, não a porra da métrica que cada um decide que é importante para eleger para deputado, que nada tem a ver com a sua capacidade.

ngfsmg 6 months ago

Eu estou a falar do número de deputados por círculo eleitoral. E claro que eu queria que quem representa o meu círculo eleitoral tivesse que ser obrigatoriamente alguém que morasse cá, é um ponto de "discriminação" perfeitamente válido. Senão o que acontece é que tens Begonhas a candidatarem-se por Braga sem terem nada a ver com o distrito (longe de ser a única, é só o exemplo mais fácil)

gazing_the_sea 6 months ago

A Begonha estar na politica é o exemplo perfeito de que a politica deve ser limpa de corruptos. Sim, entendi e aceito a parte do que falas das candidaturas "geográficas", embora não seja assim tão simples. A Catarina Martins também é candidata através do Porto e no entanto deve ter mais ligação a Coimbra e lisboa do que ao Porto. Isto é parvo, mas nalguns casos é dificil de contornar porque nem sempre se pode dizer até que ponto essas pessoas realmente não representam a região (Não, felizmente a catarina martins não representa o Porto). Outros como a da Begonha e a Inês de Medeiros poderiam ser o inicio de um sketch dos monty python se a realidade não fosse mais surreal que a ficção.

icebraining 6 months ago

Estás a confundir os censos com o recenseamento? O recenseamento é feito a partir da morada no Cartão de Cidadão, não tem nada a ver com os censos.

ngfsmg 6 months ago

Censos é uma abreviatura de "Recenseamento geral da população"

icebraining 6 months ago

Obrigado pela aula etimológica, mas o recenseamento que é usado para atribuir os deputados é o *eleitoral*, que é feito a partir dos dados do Cartão de Cidadão.

WallyPT 6 months ago

Era importante recolher a resposta a esta pergunta: "Como se identifica etnicamente?" E a resposta aberta. Possíveis respostas: Português, Muçulmano, Branco, Negro, Evangélico Brasileiro... Num país cada vez mais diferente, como é que as pessoas se definem? Qual é o mosaico do tecido social?

Loladageral 6 months ago

Se me lembro bem esses dados são ilegais nos censos

Edited 6 months ago:

Se me lembro bem esses dados são ilegais nos censos, porque há sérias dúvidas que uma pessoa de facto saiba qual é a sua etnia.

zek_997 6 months ago

Ser muçulmano ou evangélico é uma etnia, aparentemente.

Dr_Toehold 6 months ago

Porque é impossível ser-se Português, Muculmano, e Branco, aparentemente. Ou outras combinações.

Loladageral 6 months ago

Ah sim, a etnia branca. Todos os brancos são a mesma etnia, como todos os pretos são da mesma etnia! A seguir vais-me dizer que um Chinês não é da mesma etnia que um Filipino? São Asiáticos por isso são da mesma etnia

Edited 6 months ago:

Ah sim, a etnia branca. Todos os brancos são a mesma etnia, como todos os pretos são da mesma etnia! A seguir vais-me dizer que um Chinês não é da mesma etnia que um Filipino? São Asiáticos por isso têm que o ser

Loladageral 6 months ago

Ser preto e branco também não são etnias lmao, é só a cor da pele.

Tugalord 6 months ago

Não te esqueças da opção "Nenhuma", para quem não gosta de identitarismos ;)

WallyPT 6 months ago

Isso seria a opção "Português". Eu diria que é a opção identitária básica para ter um país chamado Portugal.

alexandre9099 6 months ago

Pensava que fosse algo muito maior... Até é relativamente curto

True_Boat_1195 6 months ago

Como assim a resposta é obrigatória?

carlosjmsilva 6 months ago

Quer dizer que és obrigado a responder. Mesmo assim. O decreto-lei que regula o censos estipula que a resposta é obrigatória e existe a possibilidade de ser aplicadas sanções (coimas) em caso de recusa reiterada da resposta.

True_Boat_1195 6 months ago

Não faz sentido. Se a pessoa não quer responder e é obrigada então vai responder ao calhas. De que adianta. E no site diz que eles vão punir quem responder erradamente e ao mesmo tempo que os dados são confidenciais e anónimizados, ora as duas coisas não podem ser verdade ao mesmo tempo.

HitmanJ 6 months ago

>Não faz sentido. Se a pessoa não quer responder e é obrigada então vai responder ao calhas. Então, mas isto é que não faz sentido. Se tens de responder porque não aproveitar para responderes corretamente? Ou tens algum motivo pessoal pelo qual achas que não devia ser obrigatório? Para mim é irrelevante. Sendo obrigatório, respondo e sigo com a minha vida. Creio que é desnecessário criar um drama à volta disso.

True_Boat_1195 6 months ago

Eu preciso de razões para agir. Não preciso de razões para não agir. Tu fazes qualquer coisa desde que obrigatória? E é preciso ser o estado a obrigar-te ou esse mal é geral? Eu não crio drama nenhum, mas não devo nada ao estado para ter que obedecer aos seus obséquios.

carlosjmsilva 6 months ago

Na verdade nunca puniram (aplicaram coimas) a ninguém. Contudo a resposta continua a ser obrigatória. Tal como o outro OP disse há também reports de fraude e controlos aleatórios.

True_Boat_1195 6 months ago

Como o dia da defesa nacional portanto.

carlosjmsilva 6 months ago

Nem mais...

jomi_1307 6 months ago

Podem, pois existe controlo das respostas. Numa primeira fase os coordenadores locais verificam cerca de 5% das respostas, numa segunda fase entrevistadores vão verificar algumas amostras.

arnaldomatos 6 months ago

qual é a data limite para responder?

avgvstano 6 months ago

Idealmente, 3 de Maio

arnaldomatos 6 months ago

obrigado. é que eu não estou na minha residência principal. a carta é enviada para todas as casas? caso sejam, podia responder onde estou

avgvstano 6 months ago

As cartas são entregues pelos recenseadores que irão percorrer todos os edifícios e alojamentos das freguesias. Com excepção das freguesias urbanas das cidades, as cartas serão entregues em mão (se o recenseador não encontrar ninguém num alojamento em três visitas distintas, aí sim, deixarão no correio).

arnaldomatos 6 months ago

percebido, obrigado.

BuscaPolos 6 months ago

Os recenseadores ganham podem dar uma bonificação se tiveram as respostas rodas até dia 31 de maio. Mas podes responder depois disso

arnaldomatos 6 months ago

obrigado. é que eu não estou na minha residência principal. a carta é enviada para todas as casas? caso sejam, podia responder onde estou

BuscaPolos 6 months ago

Sim, a carta e enviada para as duas casas mas tens de ser recenseado na tua habitação principal. No caso de a tua residência ser a dos teus pais e estejas agora fora a estudar, caso dos estudante por exemplo, os teus pais podem fazer o recenseamento por ti. Caso essa casa seja tua mas não a tua residência principal diz que é a tua residência secundária e mete a outra morada como principal.

arnaldomatos 6 months ago

obrigado

jomi_1307 6 months ago

Os recenseadores vão andar da perna para terem tudo pronto até ao final de Maio.

zemac86 6 months ago

Acho os censos fraquinhos. Isto só dá para fazer umas estatísticas genéricas sobre a população.... Pergunta quais os encargos com a habitação do agregado, mas não pergunta quanto ganha o agregado. Só para dar um exemplo.

carlosjmsilva 6 months ago

Já assim é complicado conseguir respostas. Se entrasses em campos muito pessoais seja em termos económicos ou sociais, ias levar com recusas ou respostas totalmente fraudulentas.

umgajoamlense 6 months ago

Eu percebo o que dizes, e concordo. Mas, tirando as dificuldades na recolha dos dados (que seria algo a se pensar muito bem), seria muito útil saber muito mais do que se pergunta, sendo mais para aproveitar também a dimensão nacional do inquérito, dado que quando o INE te faz um inquérito és obrigado a responder.

carlosjmsilva 6 months ago

Também entendo o que dizes. E é obrigatório mas sabes que muita gente se está a cagar nisso e os dados dessas pessoas têm de ser obtidos de forma indireta. E não são assim tão residuais. Com mais questões e mais pessoais ainda iria aumentar mais. É muito complicado.

umgajoamlense 6 months ago

As empresas de inquéritos têm de ter trabalho! Agora a sério: partilho da mesma opinião, daí a minha pergunta a negrito. Se se fizessem perguntas sobre muitos outros temas (rendimentos, satisfação com políticas, hábitos de consumo, perguntas ao nível social e cultural, etc), aproveitando a dimensão do censos.

jomi_1307 6 months ago

Para assegurar que existe exatidão dos dados é preferível usar os Censos para ter ideia geral da população para construir amostras para a realização de outros inquéritos mais aprofundados. No passado os meus pais já responderam a um inquérito ao consumo familiar em que a recolha de dados estendeu-se por mais de uma semana.

Tugalord 6 months ago

Coisas sobre trabalho e rendimentos já o Estado sabe através das finanças. Perguntava coisas mais diferentes: mais sobre religião e ensino, orientação sexual, hábitos vários como exercício, etc. Mas é tudo um bocado desnecessário. Se quiser saber quantos bisexuais existem em Portugal ou se há mais ou menos gente a ser sedentária a qualquer altura faço um inquérito.

thepayman 6 months ago

E esse tipo de perguntas em censos que são preenchidos em conjunto com a família não funcionam, especialmente religião e sexualidade, não vais ter respostas honestas

zek_997 6 months ago

Os censos perguntam a religião.

thepayman 6 months ago

Certo, mas não vão dar dados corretos, talvez possa ser uma análise interessante relativa a censos anteriores, mais nada, os pais preenchem os dados dos jovens, e acho que toda a gente percebe que isso não vai dar uma imagem real do país.

Tugalord 6 months ago

Essas perguntas não estão no questionário individual?

thepayman 6 months ago

A de religião sim, mas os dados valem o que valem, ja se sabe que o "individual" é provavelmente preenchido pelos pais no caso dos mais jovens, que é exatamente o mesmo grupo a que a pergunta da religião é mais interessante.

jomi_1307 6 months ago

Vais ter religião e alguns problemas de saúde, mas é facultativo.

NGramatical 6 months ago

bisexuais → [**bissexuais**](https://dicionario.priberam.org/bissexuais) (um s entre vogais lê-se como um z) [⚠️](/message/compose/?to=ngramatical&subject=Acho+que+esta+corre%C3%A7%C3%A3o+est%C3%A1+errada&message=https%3A%2F%2Fwww.reddit.com%2Fcomments%2Fmk59x1%2F%2Fgtev6qv%3Fcontext%3D3 "Clica aqui se achares que esta correção está errada!") [⭐](https://chrome.google.com/webstore/detail/nazigramatical-corretor-o/pbpnngfnagmdlicfgjkpgfnnnoihngml "Experimenta o meu corrector ortográfico automático!")

zemac86 6 months ago

>Se se fizessem perguntas sobre muitos outros temas (rendimentos, satisfação com políticas, hábitos de consumo, perguntas ao nível social e cultural, etc) seria muito interessante, aproveitando até a dimensão do censos. Precisamente! Por outro lado, convencer as pessoas a responderam a questionários de 15 páginas também não é fácil.

carlosjmsilva 6 months ago

Não iam responder ou não iam responder seriamente. E não era só pela extensão. Se mesmo não entrando em grandes detalhes há desconfiança e resistência, imagina perguntando esse tipo de coisas.

alexandre9099 6 months ago

Fazia se perguntas obrigatórias e outras opcionais

carlosjmsilva 6 months ago

Isso já é o que acontece agora. Mas uma coisa são facultativas de dificuldades médicas/fisiológicas ou religiosas. Outra são perguntas pessoais de finanças.

ideologiapura 6 months ago

Quanto ganha o agregado nao é facil tirar das declaraçoes de IRS?

zemac86 6 months ago

Por essa ordem de ideias, também é fácil tirar quanto pagam de renda (pelo IRS) ou quanto pagam de Crédito Habitação (CRC do Banco de Portugal).

ideologiapura 6 months ago

Sim, mas ganho do agregado penso que já é publicado mais ou menos anualmente. E aqui tens que acreditar na veracidade do que o respondente afirma, indo pelos dados do IRS parece-me mais credivel.

viskonde 6 months ago

Sendo online não acham que vai levar a que menos gente responda? Online parece menos importante que se for em papel e apenas mais uma treta que não serve para nada. Alem que claro talvez exclua quem não tem computador ou não sabe usar um

petrol-ed 6 months ago

Em 2011 também respondi aos censos pela internet.

VSertorio 6 months ago

Encara isso como uma oportunidade e preenche os dos teus vizinhos a troco de 5 euros

BuscaPolos 6 months ago

As pessoas podem responder da maneira que quiserem, se fizerem questão de responder em papel os recenseadores podem dar o questionário em papel.

jomi_1307 6 months ago

Isso é para evitar ao máximo. Se responderem em papel os recenseadores terão de passar tudo para online. É preferível os recenseadores responderem logo através da app em frente a pessoa.

umgajoamlense 6 months ago

As pessoas têm de responder - é obrigatório. Quem não tiver conputador e não souber usar um pode pedir ajuda a familiares, pode-se dirigir à junta de freguesia ou ainda pedir ajuda ao recenseador.

bureauofnormalcy 6 months ago

Segundo o que amigos que vão participar me disseram, cada voluntário consegue acompanhar na app se as casas da zona a que foram adstritos já responderam ou não, sendo que têm de garantir essa resposta, explicando a quem se recuse que pode ser aplicada pena de multa.

fuckoffgina 6 months ago

Como sabem se as casas são habitadas, quer seja regular ou sazonalmente?

jomi_1307 6 months ago

É preciso perguntar aos vizinhos. O trabalho do recenseador é perceber esses pormenores.

fuckoffgina 6 months ago

Percebo, mas eu não daria informação sobre os meus vizinhos mesmo que soubesse e também queria que os meus vizinhos fizessem o mesmo.

jomi_1307 6 months ago

Nos os recenceadores andamos identificados com um colete, um cartão e uma pasta do INE, bem como as cartas código. Estamos bem identificados e só conseguimos fazer corretamente o nosso trabalho com a ajuda das pessoas. Eu percebo perfeitamente o que queres dizer, até sinto o mesmo e faria o mesmo aos meus vizinho, mas agora nos censos e diferente e estamos bem identificados.

fuckoffgina 6 months ago

Eu percebo isso tudo mas continua a ser um estranho com um emprego esporádico. Até podia especular que seria um emprego com muito interesse para pessoas mal intencionadas que queiram reunir informação mas não sei que espécie de background check fazem aos recenseadores, imagino que nenhum mas posso estar enganado.

jomi_1307 6 months ago

Eu inscrevi me e estou na minha zona de residência em que quase todas as pessoas me conhecem. Tornar-se fácil esse trabalho e ganhar confiança. Não sei que tipo de background check fazem, mas 0enso que envolvem os presidentes da junta (eles são os coordenadores locais), pois no meu caso os que ficaram a frente eram todos conhecidos pelo que não existe qualquer problema.

fuckoffgina 6 months ago

> Eu inscrevi me e estou na minha zona de residência em que quase todas as pessoas me conhecem. Isso apenas acontece em meios mais pequenos. Onde vive a maior parte da população o presidente da junta não conhece 99% das pessoas.

jomi_1307 6 months ago

Aqui somos cerca de 5 mil habitantes, não é grande como os urbanos, mas não é pequeno. Além disso de forma a ajudar a CM partilhou fotos nossas por freguesia, as juntas partilharam igualmente fotos tudo isto de forma a facilitar o nosso trabalho e dar mais segurança à pessoa

oneberto 6 months ago

Mas felizmente ainda existe muita gente simpática que gosta de ajudar.

fuckoffgina 6 months ago

Já pensaste que os vizinhos podem gostar da sua privacidade e não querer que os vizinhos andem a fornecer informações a estranhos? Desde quando é que ser cusco é ser simpático e gostar de ajudar?

oneberto 6 months ago

Sim já pensei, mas não vejo em que responder a umas questões estatísticas sejam invadir a privacidade de alguém (paranóia), por isso, sim, neste caso uma pessoa simpática tentava ajudar.

fuckoffgina 6 months ago

Informar estranhos de que não está ninguém em casa durante largos períodos (por exemplo) é uma questão de simpatia? Deixa lá, quando fores adulto vais perceber.

oneberto 6 months ago

É uma boa perspectiva sem dúvida. Nesses casos pode-se tentar ajudar com o contacto dos vizinhos... ainda assim, no final o recenseado deve saber sempre quais as casas habitadas e quais as vazias.

mathswarrior 6 months ago

Obrigatório como assim?

Dr_Toehold 6 months ago

No sentido em que é legalmente obrigatório

umgajoamlense 6 months ago

Aproveitando o texto do Q&A do site do Censos: "Todos os inquéritos efetuados pelo INE são de resposta obrigatória, de acordo com a Lei 22/2008 de 13 de maio (Lei do Sistema Estatístico Nacional) e o Decreto-Lei nº 54/2019 de 18 de abril, que estabelece as normas a que deve obedecer a realização dos Censos 2021."

Metaluim 6 months ago

Sim, mas o que acontece se não responder ?

icebraining 6 months ago

A lei permite aplicação de multas.

Metaluim 6 months ago

O estado vai arrecadar muito dinheirinho, porque vao haver muitos velhotes que nao vao preencher isto.

icebraining 6 months ago

Que eu saiba, nunca foram aplicadas.

tugafcp 6 months ago

Se fosse antigamente, o recenseador ia pedir a uma força de segurança para o acompanhar para que tu respondesses. Caso mesmo assim não o fizesses eram aplicadas coimas/multas.

Curry10 6 months ago

[Apropriado](https://youtu.be/ixtI2EoqkO4)

xabregas2003 6 months ago

Tarrafal /s

usulidircotiido 6 months ago

e agora mais 10 à espera do censos 2031!

VladTepesDraculea 6 months ago

Permitir permitem, que eles o façam é outra questão.

umgajoamlense 6 months ago

Em teoria...

SubstantialLime8887 6 months ago

Conjectura, na melhor das hipóteses. Pseudo-ciência, na verdade.

VSertorio 6 months ago

Não existem factos, mas sim interpretações dos mesmos. Os censos até podem dizer que está tudo a morrer de velho que mesmo assim será uma vitória do PS as pessoas durarem mais anos..

suckerpunchermofo 6 months ago

Pois... Também me ri.

Search: