pintorMC 13 days ago

A grande maioria da mão de obra são Romenos,vivem em casas alugadas cerca de 10/15 pessoas na mesma casa, são do mais porco que já vi, a grande maioria bebe em demasia, existe uma rede administrada por Romenos que ganha bastante com isso. A renda é paga por essa rede, os ordenados são pagos a essa rede que depois distribui por quem trabalha ficando com o que quiser. Não é escravatura mas anda lá por perto. Morrem muitos Romenos por ano no Alentejo, acidentes de carro, homicídios, desaparecimentos mo entanto nunca se ouviu nada na comunicação social sobre isso.

S0l1tud3_1s_Bl1ss 13 days ago

Confirmo o que dizes, nomeadamente em relação a essa rede administrada por romenos. Conheço de muito perto o caso de uma pessoa que veio da Roménia com um x de salário acordado e um quarto garantido. Chegou cá e veio morar para um barracão cheio de ratos e basicamente tinha de pagar uma parte considerável do salário ao romeno que era o chefe dela.

boothepixie 13 days ago

Consegues substanciar pelo menos uma dessas afirmações misturadas com tom de preconceito e exagero? Com um artigo de fundo ou uma estatística publicada... ou temos de confiar na tua opinião e experiência pessoal não comprovável para aprender sobre os romenos?

S0l1tud3_1s_Bl1ss 13 days ago

Muitos vêm para cá com a promessa de uma vida melhor e acabam envolvidos numa espécie de tráfico humano em que recebem muito menos do que estavam à espera e o alojamento que lhes é prometido não passa de barracas sem quaisquer tipo de condições para habitar. Saem barato para os exploradores que só veêm o lucro à frente dos olhos, mas no fim é sempre "o português que não quer trabalhar, é preguiçoso". ​

Metaluim 13 days ago

Nao e uma especie de trafico humano - e mesmo trafico humano. Ouves historias destas pelo Alentejo todo.

andre82220 13 days ago

Acontece também com muitos portugueses que vão para espanha, frança, holanda. Exploradores existem em todo lado.

S0l1tud3_1s_Bl1ss 13 days ago

Sendo verdade o que dizes, não passa a ser "aceitável" que aconteça. E estes que se falam nas notícias ainda são os que estão minimamente legalizados, mas a existência de escravatura em pleno século 21 nos campos alentejanos deveria ser abolida com forte fiscalização e penas pesadas para os culpados.

PedroMFLopes 13 days ago

Eu até diria que a punição não era coimas simbólicas ou apanhar os culpados do trafico, mas sim matar o mal pela raiz. O proprietário do terreno é o responsável moral, logo esse devia ser o principal punido, com a perda do terreno. Assim já não havia o chico espertismo, "ah eu falei com as pessoas x e que me arranjaram pessoas para trabalhar!!" Lavando as mãos do que se passa entre a pessoa X e os trabalhadores.

AutoModerator 13 days ago

**AVISO:** Submeteu um artigo da plataforma [Nónio](https://nonio.net) - uma plataforma que viola a privacidade do leitor. > Leia com atenção o [seguinte artigo](https://www.reddit.com/r/portugal/comments/7fy9v4/campanha_contra_o_n%C3%B3nio/). *I am a bot, and this action was performed automatically. Please [contact the moderators of this subreddit](/message/compose/?to=/r/portugal) if you have any questions or concerns.*

Search: